filmes-viagem

este blog serve, para além de espaço para apresentar o nosso projecto, os impasses, os planos e tudo o mais que estiver com ele, directamente relacionado, para inspirar e para nos inspirarmos! as viagens só fazem sentido se forem partilhadas e, tal como já aconteceu aqui, inspiramo-nos em pessoas que se cruzaram no nosso caminho, naqueles que nos escrevem e também naqueles que, não os conhecendo pessoalmente, escrevem livros, artigos, notas, tocam músicas ou realizam filmes, que achamos servir de discussão e inspiração a tudo isto. este post serve para falar de dois realizadores que seguimos (dentro dos possíveis) com uma admiração imensa.

tony gatlif
filho de mãe cigana e pai árabe, este realizador nasceu na argélia, antiga colónia francesa. no seu cinema, está sempre presente esta relação entre os dois países. as suas obras são autênticos filmes-viagem, que partem à descoberta das suas raízes, da sua cultura e do confronto entre os povos. falam de xenofobia, de incompreensão, de desencontros, de cultos e rituais, de música e da busca de identidades. o país onde habitamos e aquele onde pertencemos. o que nos liga aquele sítio onde nunca estivemos e que, além da imaginação, só as histórias que nos contam, nos ligam a ele? o que é isto da globalização? onde cabe, a cultura popular, no meio deste imenso mundo novo e descaracterizado? o pequeno vídeo que incluímos, trata-se de um excerto do filme gadjo dilo (o estrangeiro louco), sem dúvida, uma obra prima!




fatih akin
nasceu em hamburgo em 1973, filho de pais turcos. assim como tony gatlif, a ligação ao país dos seus pais está sempre presente, relacionando obrigatoriamente a alemanha com a turquia. a vaga da imigração, a falta de comunicação, a descoberta de novos mundos, o confronto de culturas, de religião, de crenças e de modos de viver. o seu trabalho mostra o profundo respeito e admiração pela turquia, pelo seu povo e costumes. istambul é uma cidade omnipresente na sua obra. é impossível passar ao lado dos filmes e documentários realizados por fatih akin. a simplicidade de meios, na realização de obras de arte! deixo aqui o trailer do último filme de fatih akin, chamado the edge of heaven (do outro lado - versão portuguesa).

Sem comentários:

Posts mais populares